Home / Notícias Publicadas / Seminário “Reformas Trabalhista e Previdenciária: A ruptura do patamar mínimo civilizatório discute problemas do mundo do trabalho

Seminário “Reformas Trabalhista e Previdenciária: A ruptura do patamar mínimo civilizatório discute problemas do mundo do trabalho

O Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais do Trabalho (Sinait) DS-MG realizou entre os dias  06 e 07 de junho, na Escola Superior Dom Helder Câmara, em Belo Horizonte, o seminário “Reformas Trabalhista e Previdenciária: A ruptura do patamar mínimo civilizatório”.

Foram debatidos temas como a reforma trabalhista, trabalho escravo, saúde e segurança no trabalho, reforma da previdência entre outros temas que foram debatidos por sindicalistas, professores, advogados e representante do Ministério do Trabalho.

Na abertura, o reitor Paulo Umberto Stumpf disse que as entidades sindicais têm que “resgatar o sentido verdadeiro de justiça social, dignidade humana, e demais fundamentos da Constituição, porque o bem coletivo não é simples justaposição de interesses particulares que se digladiam no espaço público, onde a vitória será sempre de quem tem mais poder econômico”.

O presidente da Força Minas, Vandeir Messias, participou da mesa de debate: “A Desconstrução das Normas de Saúde e Segurança do Trabalho”, se manifestou contra as reformas propostas e ressaltou a precarização do trabalho e dos direitos já adquiridos. Ele também explicou que a aprovação da PLC 38/2017 pode criar insegurança jurídica e aumentar a crise econômica já existente no País.

O diretor do Sintrasaúde-MG, Leonardo Maia, participou do seminário representando a entidade e a Feessemg.  A representante do Ministério do Trabalho, Alessandra Parreiras, também esteve no evento mediando a mesa:  O Movimento Sindical frente ao “Negociado sobre o Legislado”.

Informações  junto ao Sinait e Força Minas – Foto 1: Sinait – Foto 2: Feessemg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *